Como funciona um coletor solar?

Utilizar a energia solar é um jeito de economizar, ajudar o ambiente e aproveitar o potencial dessa radiação. Para tanto, é preciso contar com os equipamentos certos e um dos principais é o coletor solar.

Ele é capaz de aquecer fluidos com grande intensidade e garante uma excelente utilização. Porém, antes de recorrer a essa possibilidade é interessante conhecer como é o funcionamento. Assim, sua decisão será fácil e informada.

Veja como funciona um coletor solar e descubra como ele pode ajudar a sua casa a ser mais econômica!

As placas receptoras de calor coletam a radiação

Tudo começa com a captação da energia que vem do sol, a etapa acontece graças à presença das placas absorvedoras feitas de material específico unidas a tubos por onde circula a água a ser aquecida. Os de aplicação banho, em função da temperatura desejada, possuem uma cobertura de vidro que aumenta a temperatura interna a este pelo efeito estufa, e são revestidos com uma tinta preta especial, isso garante a maior absorção da radiação solar, que será convertida em calor.

A absorção da temperatura gera e transfere calor

Uma vez que a radiação entre em contato com as placas, ela não consegue sair de volta, pois apenas uma pequena parte é refletida. Nesse momento, há a conversão da energia em calor.

Desse modo, há um aumento da temperatura de maneira localizada e que é transmitido por aletas de alumínio. Os componentes têm um formato termodinâmico especial e são altamente condutores, graças a tais características, o calor é transferido de um local a outro, com a menor perda possível.

A água aquecida é mantida em um reservatório térmico.

A água aquecida circula pelos coletores e chega ao reservatório que possui isolamento térmico onde é armazenada para consumo. Enquanto houver sol e a temperatura da água no coletor for maior que a do reservatório, a circulação da água entre ambos continua aumentando a temperatura da água armazenada.

O fluido aquecido pelo coletor solar pode ser usado

Depois que a água atinge a temperatura adequada, ela pode ser usada para o fim desejado. Em geral, há coletores para banho e para aquecer a piscina, que são os dois usos mais comuns.

Para que isso seja possível, é necessário haver uma ligação entre o reservatório térmico e o ponto hidráulico onde o líquido será usado. Nas residências, significa fazer a conexão pelo cano do chuveiro, por exemplo. Já na piscina, a ligação pode estar na casa de máquinas, junto à bomba.

Se for o caso, há a possibilidade de misturar a água quente que vem do coletor com uma mais fria, de modo a atingir um equilíbrio agradável de temperatura.

O coletor solar funciona pela absorção e conversão de radiação solar em calor. Com a elevação da temperatura da água, é possível tomar banho quente ou curtir uma piscina aquecida de um jeito simples e limpo.

Nos comentários, aproveite para dizer se tem mais alguma dúvida e conte o que você pensa sobre essa possibilidade.

Posts Relacionados

0 Comentários