Quando optar por um reservatório térmico de grande volume?

Manter um aquecedor solar em sua casa ou estabelecimento é não somente uma atitude sustentável, mas também econômica. Hoje em dia, essa é a melhor alternativa para obter uma fonte gratuita de energia de maneira fácil e acessível.

No entanto, essa tecnologia inclui um equipamento conhecido como reservatório térmico — o qual, em alguns casos, precisa abrigar um grande volume de água.

Quando isso acontece? É o que vamos explicar melhor agora. Confira!

Como o aquecimento de água ocorre?

Primeiro, é necessário entender o que faz esse equipamento. Em um sistema básico de aquecimento solar de água, os coletores solares absorvem a radiação do sol e transferem para a água, que fica armazenada no reservatório térmico.

Ele pode ser feito de cobre, inox ou polipropileno e é isolado termicamente para não agredir a camada de ozônio. Assim, a água permanece aquecida e pronta para ser usada sempre que necessário. O que alimenta o reservatório é uma caixa d’água comum, portanto ele sempre está cheio.

Quais são as características do reservatório térmico?

A resistência é a principal característica de um reservatório térmico. Alguns têm acabamento em aço inoxidável para que isso seja garantido. Ele não pode conter peças em plástico, já que fica constantemente exposto a todo tipo de clima.

Quanto aos reservatórios de grande porte, o ideal é que se tenha uma porta de inspeção para facilitar a manutenção e limpeza. Além disso, deve estar de acordo com uma norma americana chamada ASME, que garante a durabilidade do equipamento.

Quando é preferível usar o reservatório térmico de grande volume?

Em média, o reservatório térmico de grande volume comporta até 20 mil litros de água e é instalado em hotéis, hospitais, indústrias e grandes condomínios, que são estabelecimentos com grande circulação de pessoas.

Para determinar a quantidade de água necessária em cada tipo de local, é preciso que um técnico profissional estude suas condições. O número de pessoas que utilizam a água deve ser considerado, além da duração média de banhos, sua quantidade aproximada e quantos são os pontos que precisam receber água quente. Piscinas também estão dentro dessa conta.

O que devo considerar para fazer a instalação?

Uma equipe especializada fará uma visita na localidade e analisará bem o seu projeto, a fim de determinar qual é o melhor reservatório térmico para as condições apresentadas.

Em seguida, o orçamento será repassado, para que você o aprove.

Depois, a instalação começará, e você precisa ajustar junto à empresa o prazo para que isso seja feito. Afinal, se tantas pessoas precisam de água, o procedimento deve ser tão ágil quanto for possível.

Na hora da compra, verifique também se existe o suporte e a assistência técnica necessários para resolver qualquer imprevisto. Principalmente em obras grandes, o cuidado precisará ser redobrado.

Não fique com dúvidas a respeito desta implantação. Os benefícios são muitos, e você logo sentirá os resultados. Não só ao longo dos banhos quentes e relaxantes, mas também com a economia inegável mostrada nas contas do mês.

E então, pronto para ter um reservatório térmico de grande volume no seu negócio ou empreendimento? Deixe um comentário abaixo e conte para nós!

 

Posts Relacionados

0 Comentários