6 dicas para recomendar o bom uso de aquecedor solar para piscinas

HOME / Blog
aquecedor solar para piscinas
Publicado em 23 de fevereiro de 2021

6 dicas para recomendar o bom uso de aquecedor solar para piscinas

Os aquecedores solares são opções sustentáveis para casas e estabelecimentos comerciais. Ajudam a economizar gastos com energia elétrica e ajudam a valorizar o imóvel. 

Os custos com a compra e a instalação de aquecedores solares tendem a cair à medida que a demanda aumenta e mais empresas oferecem opções. Isso é bom, pois vai tornar essa solução sustentável mais acessível a todos os brasileiros. 

O sistema de aquecimento solar pode ser usado tanto para aquecer a água do banho como para aquecimento de piscinas e da água usada com diferentes finalidades em indústrias, hospitais e outros locais.

Veja algumas dicas para fazer bom uso do aquecedor solar para piscinas, para que seu cliente aproveite melhor o seu sistema de aquecimento sustentável!

1. Analise as dimensões de sua piscina e a frequência de uso

Antes de instalar o coletor solar para piscina, é importante fazer um projeto que considere o dimensionamento da piscina e a frequência com que ela é usada. 

Também é necessário considerar a quantidade de pessoas que usam a piscina. Talvez seja preciso instalar mais placas a fim de manter a água aquecida. 

Naturalmente, uma piscina maior requer mais placas por metro quadrado. Mas é importante considerar também o nível de eficiência do aquecedor para piscina e o correto posicionamento dele no telhado, como veremos mais adiante.

2. Instale o coletor solar para piscina no telhado 

O ideal é instalar o sistema de aquecimento solar no telhado porque geralmente é o ponto mais alto das edificações. 

Os pontos mais altos são os mais adequados para a instalação dos aquecedores porque assim eles ficam mais expostos à radiação solar. 

É necessário evitar, dentro do possível, a incidência de sombras, sejam de árvores, sejam de edificações próximas. 

Se não for possível instalar no telhado, deve-se escolher, de preferência, outro ponto elevado. Caso a piscina esteja localizada em alguma área coberta, talvez seja viável instalar os coletores sobre essa cobertura. 

Nada impede que os coletores sejam instalados em pontos mais baixos, desde que não haja obstáculos à passagem da radiação solar. 

É fundamental desenvolver um bom projeto antes da compra e instalação do aquecedor solar para piscinas

3. Posicione corretamente o aquecedor solar para piscinas

O correto posicionamento das placas solares no telhado é da máxima relevância para uma melhor captação da radiação solar. 

No hemisfério sul, a posição mais adequada do coletor solar para piscina é o lado norte. A incidência da radiação solar é melhor aproveitada durante o ano, principalmente no inverno. Caso não seja possível aproveitar melhor essa posição, podem ser instalados mais coletores na posição leste e oeste. 

4. Faça a limpeza e a manutenção do aquecedor para piscina

O vidro e a tinta escura, que são materiais especiais dos coletores solares, necessitam de limpeza periódica. Assim, eles conseguem absorver o máximo da energia solar, pois a sujeira acumulada tende a reduzir a eficiência do sistema, impedindo uma boa captação dos raios solares.

Caso o aquecedor solar não esteja bem tratado e higienizado, o máximo desempenho não será alcançado. É preciso cuidar da manutenção de acordo com as orientações da empresa fabricante, pois evitará eventuais danos aos componentes do sistema e um baixo desempenho. 

Sabe-se que os coletores solares oferecem alta durabilidade — duram cerca de 20 a 25 anos. Também exigem baixa manutenção, mas é preciso realizá-la adequadamente. Dependendo da região, a limpeza e lavagem dos coletores pode ser semestral ou anual. As chuvas contribuem para uma lavagem natural e, por isso, em regiões mais chuvosas, a limpeza pode ser menos recorrente. 

Por outro lado, existem regiões em que há muita poeira e poluição. Nesses casos, a limpeza e lavagem deverá ser mais frequente. 

5. Evite impactos e outros danos nos coletores solares 

Outra razão para instalar os coletores solares no telhado é que, devido à altura, eles ficam menos vulneráveis a impactos e danos. Nos locais mais baixos, a exposição a riscos é maior. 

O bom desempenho do sistema está relacionado à sua integridade. Os impactos podem eventualmente provocar as rachaduras; também podem causar a quebra de algumas placas.

Se o sistema de aquecimento solar se encontrar em um local mais alto e melhor protegido, nem todos terão acesso a ele. Consequentemente, as chances de o aquecedor solar para piscinas ser atingido diminuem bastante. Assim, se promove o melhor desempenho do sistema e sua maior durabilidade.

6. Escolha aquecedores solares de alta qualidade 

Existem diferentes marcas de coletor solar para piscina no Brasil. Vale a pena pesquisar e comparar antes de escolher. 

Confira, por exemplo, a capacidade de absorção das placas coletoras. Alguns modelos chegam a absorver 91% da radiação, outras absorvem 50% e assim por diante. Uma superfície seletiva multicamadas é importante para a melhor absorção dos raios solares.

A resistência a impactos, por exemplo, também é uma importante característica para um coletor solar. Os modelos com vidro temperado apresentam uma resistência seis vezes maior, o que permite que os coletores consigam resistir até a granizo. 

É importante ainda verificar o nível de resistência a produtos químicos e à radiação ultravioleta (UV). Sabemos o quanto os produtos químicos usados na piscina podem causar danos a materiais mais vulneráveis — por isso, é importante que eles sejam resistentes a esse tipo de produtos, como cloro. 

Analise também qual é o tipo de isolamento térmico usado, como lã de rocha, lã de vidro ou outro.

A resistência a pressões também é um diferencial, já que muitos sistemas são movidos a bomba. A água deve ser direcionada da piscina para os coletores e vice-versa em um ciclo contínuo. Em piscinas, não é necessária a presença de reservatório térmico, já que a própria piscina é um reservatório.

Outras qualidades de um bom sistema de aquecimento solar para piscinas: trabalho com altas vazões, praticidade na instalação (como engate rápido), material atóxico para garantir mais segurança.

Essas 6 dicas vão ajudar o seu cliente a usufruir melhor o aquecedor solar para piscinas, aproveitando melhor seu desempenho, resistência e durabilidade.

O que acha de conferir nossas redes sociais? Para isso, basta nos seguir no Facebook e no Instagram!

Posts Relacionados

aquecedor solar

Confira como a economia fornecida pelo aquecedor solar é útil para empresas

Os aquecedores solares são soluções para todas as pessoas que almejam reduzir custos com energia elétrica, seja em casa, seja em empresas.  Em empresas e indústrias, as despesas com energia elétrica sempre são mais altas. Quando a água aquecida é fundamental no ciclo de produção e vendas, o sistema de aquecimento solar certamente oferecerá diferenças […]

empresa de aquecedor solar

Aquecedor solar: entenda a importância de ter uma empresa parceira

Como os consumidores estão mais conscientes da importância de implantar práticas sustentáveis em seus projetos de construção, o profissional responsável deve ser proativo e considerar a possibilidade de implementar na construção algumas dessas tecnologias.  O sistema de aquecimento é uma das soluções sustentáveis mais conhecidas atualmente. Formado basicamente pelos coletores solares e pelo reservatório térmico, […]

5 vantagens de ter uma piscina coberta em casa

As piscinas cobertas são comuns em ginásios, academias e demais espaços de prática de esportes. Porém, hoje, muitas pessoas têm investido nessa alternativa para suas residências. A construção exige um investimento mais alto, sem dúvidas. Contudo, o custo-benefício é excelente, devido a todas as vantagens que ela agrega para os frequentadores e moradores da casa. […]